Guia para manutenção e tratamentos em piscinas

Tratamentos e cuidados de Piscinas

A manutenção e tratamentos numa piscina são essenciais principalmente para a saúde das pessoas que a frequentam, aprenda com este guia a tratar a sua piscina.

O arranque da piscina deverá ser efectuado no início da Primavera, de forma a assegurar-se de que todo o equipamento está operacional e a água ainda cristalina devido à baixa temperatura e invernação.

PH da água

PH = Potencial Hidrogénio. A sua análise é de extrema importância, pois através desta, permite ter conhecimento sobre o estado da água, que pode variar entre ácida, neutra ou básica. Os valores variam entre 0 e 14 e é através desta taxa que determinamos o seu estado:

Ácida valores inferior a 7
Neutra valores iguais a 7
Básica valores superiores a 7

  • O Ph ideal deverá encontrar-se entre 7.2 e 7.6.
  • Caso o resultado da análise apresente um valor inferior a 7.2 deverá acrescentar ph+, Se os resultados demonstrarem valores superiores a 7.6, deverá acrescentar ph -.
  • A regulação e equilíbrio destes valores é extremamente importante, uma vez que desregulados, a água pode tornar-se corrosiva, irritante e pode diminuir na acção dos produtos de desinfecção.
  • Medir o pH pelo menos 1 vez por semana.
  • Caso adicione água à piscina efectue uma nova medição do nível de pH.

Cloro

A água pode aparentar estar limpa e cristalina, no entanto é necessário efectuar uma frequente desinfecção de forma a evitar o aparecimento de bactérias e vírus, que são nocivos para a saúde dos banhistas.

As bactérias normalmente são trazidas para a piscina através das chuvas que transportam a poluição do meio ambiente, além das poeiras, insectos e folhas. O cloro é medido em miligramas por litro e o seu nível deverá manter-se entre 0,5 e 2 mg/l.

  • O cloro mantém a sua piscina limpa e com água de cor cristalina. A sua função é destruir microorganismos como bactérias, fungos, etc…
  • Deve controlar o nível de cloro pelo menos 1 vez por semana no Verão, através de um Teste Kit PH-Cl
  • Duplicar a dose de cloro caso tenha chovido em abundância ou se a piscina foi recentemente usada por muita gente..
  • Tenha cuidado ao introduzir o cloro na piscina pois se este cair em cima da sua roupa irá deixar uma mancha branca ou de cor rosada. Use roupa de trabalho, caso o cloro entre em contacto com a roupa verta um pouco de álcool em cima do local de contacto de forma imediata.
  • Não deite as pastilhas de cloro directamente na piscina pois se forem demasiado grandes podem danificar a pintura da piscina e deixar algumas manchas brancas.

Algas

  • Devido a diversos factores, como a frequente precipitação de águas ricas em sais minerais, podem surgir na água microorganismos que sobrevivem na água e tornam a água esverdeada e consequentemente turva.
  • Nestes casos é necessária a intervenção de um anti-algas, que eliminará estes microorganismos.
  • Quanto mais tempo tardar o tratamento mais difícil será a eliminação das algas.
  • Adicionar uma dose apropriada de anti-algas para manter a cor e limpeza da água.
  • Adicionar anti-algas cada vez que mude a água da sua piscina, uma vez que a água nova é mais propícia a desenvolver algas na piscina.

Tratamento de Piscina com algas

Tratamento de Piscina com algas

Floculante

  • A água das piscinas por vezes fica com cor turva devido a algas, sujidade, sais, etc… estas partículas são de tamanho muito reduzido, não sendo retidas pela depuradora.
  • Para a eliminação deste tipo de partículas existe um produto chamado floculante. A sua função é aumentar o tamanho dessas partículas em suspensão e provocar a sua deposição no fundo da piscina, tornando então possível a sua remoção com um limpa-fundos.
  • Quando adicione floculante, não permita banhos até a remoção das partículas com o limpa-fundos. O floculante (Sulfato de Alumínio) não é tóxico, mas aconselhamos evitar o contacto com o produto.
Casa das máquinas de Piscina

Casa das máquinas de Piscina

Filtragem em Piscinas

A bomba permite a circulação da água em todo o circuito, ou seja através do accionamento dos mecanismos necessários, a água pode ser escoada através do ralo fundo, skimmer ou tomada de aspiração e devidamente canalizada para o filtro de modo a ser limpa e novamente enviada para o tanque da piscina, ou então para o esgoto.

  • Como regra geral deve deixar a bomba em funcionamento todos os dias nas temporadas de banhos desde as 10 da manhã até ao entardecer.
  • Caso esteja corrigindo algum tipo de problema com algas ou água turva deixe a bomba em funcionamento também no período nocturno.
  • Realize SEMPRE as manobras de abertura e fecho das válvulas com a bomba parada, procedendo de igual forma para a mudança de posição da bomba selectora.
  • Limpe os filtros de areia 1 ou 2 vezes por semana.
  • Quando a pressão do filtro atingir o valor de 1,3 Kg./cm² significa que chegou a hora de uma lavagem. Com uma lavagem contra-corrente consegue-se inverter o sentido de circulação permitindo a expulsão das partículas filtradas.
  • Não esquecer a limpeza do pré-filtro.
  • A areia do filtro deve ser mudada a cada período de 3/4 anos, dependendo do uso do filtro.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  Subscrever  
Notificação de
RECOMENDAMOS
loading...