Este fruto chama-se Anona, Fruta do Conde, Graviola.

A anona o a fruta da árvore de anona, fruta do conde ou graviola é um produto milagroso para matar as células cancerosas.

A anona é uma fruta milagrosa para matar as células cancerígenas. Estudos recentes indicam que esta fruta é 10.000 vezes mais potente que a quimioterapia.

O interesse desta planta deve-se aos seus fortes efeitos anti-cancerígenos. E embora lhe sejam atribuídas muitas mais propriedades, a mais interessante dela é o efeito que produz sobre os tumores.

Esta planta é um remédio provado para os cancros de todos os tipos. Há quem afirme que é de grande utilidade em todas as variantes do cancro.

É considerada também como um agente anti-microbial de amplo espectro contra as infecções bacterianas e, por isso, é eficaz contra os parasitas internos, regula a tensão arterial alta e é anti-depressiva, combate a tensão e os distúrbios nervosos.

Estudos científicos provaram que a anona destrói as células malignas em 12 tipos de cancro, incluindo o do cólon, do peito, da próstata, do pulmão e do pâncreas.

poder anona anti cancro 2 O poder da Anona a fruta saudável anti cancerígena

Os compostos desta árvore demonstraram actuar 10.000 vezes melhor retardando o crescimento das células de cancro do que o produto Adriamycin, uma droga quimioterapeutica, normalmente usada no mundo.

.

Propriedades, benefícios e nutrientes da anona

É uma fruta onde predominam as vitaminas C e B6, alguns minerais (potássio, cobre e magnésio), que se acompanham por uma excelente dose de fibra dietética (2,3 gramas por cada 100 gramas de polpa de anona) onde sobressaem as fibras insolúveis em detrimento das solúveis.

Dois estudos recentes revelam a presença de duas classes de fitoquímicos na anona: a classe dos flavonóides, representada pela epicatequina, a quercetina e a kaempferol, e a classe das acetogeninas, em altas concentrações, uma classe que parece possuir efeitos anti-inflamatórios e anti-tumorais.

Há muitos estudos científicos a relacionar um menor risco de aparecimento de alguns tipos de cancro com a ingestão diária de frutas e legumes com estas características.

Através do seu consumo, há uma concentração abundante de vitaminas, minerais, fibras e fitoquímicos, o conjunto identificado com a capacidade anti-neoplásica.

Um estudo publicado na revista Nutrition and Cancer, em Junho de 2011, registou um efeito protetor da anona, por inibição do crescimento tumoral da linha celular MDA-MB-468, no carcinoma da mama.

De facto, agora que ele está aí e que parece prometer ser tão diferente, fica a proposta: teste a anona, provavelmente ela também invulgar, mas mais uma fruta para que a sua alimentação seja tão variada quanto possível.

[ FONTE - Stop Cancer Portugal - Margarida Vieira ]

ARTILHE ESTA INFORMAÇÃO COM OS SEUS AMIGOS E FAMILIARES

VN:F [1.9.22_1171]
Resultado: 5.0/5 (8 gostos)